Finep lançará editais de incentivo a incubadoras de empresas e parques tecnológicos

Posted on Maio 31, 2010

0


TAMARA COSTA para o Gestão C&T online

A Finep vai lançar duas chamadas públicas de apoio a incubadoras de empresas e parques tecnológicos. A informação é da secretária adjunta de Desenvolvimento Tecnológico e Inovação do MCT, Ana Lucia Torkomian, que deu o prazo de uma semana para que os editais sejam publicados.

Para as incubadoras serão fornecidos recursos na ordem de R$ 10 milhões. O objetivo é apoiar 20 incubadoras de empresas com até três anos de existência pertencentes a uma mesma região. As concorrentes devem mostrar aptidão para promover o aumento da taxa de sucesso de empresas incubadas.

Já o outro edital fornecerá subsídios a parques tecnológicos já consolidados ou em adiantado estágio de implementação. O objetivo é contribuir para o surgimento e atração de empresas inovadoras, assim como empregos qualificados para introduzir inovações em produtos e serviços. A iniviativa vai apoiar até dez empreendimentos com R$ 242 milhões em dois anos. Deste valor, R$ 100 milhões são reembolsáveis; R$ 10 milhões são não-reembolsáveis e R$ 12 milhões são de contrapartida (valores por ano).

PNI
A questão dos parques tecnológicos e incubadoras fazem parte do Plano de Ação de Ciência, Tecnologia e Inovação (PACTI), que termina em 2010. A definição está no Plano Nacional de Inovação (PNI), cujo objetivo é fomentar a consolidação e o surgimento de parques tecnológicos e incubadoras de empresas que contribuam para estimular e acelerar o processo de criação de micro e pequenas empresas.

O programa é coordenado pela Secretaria de Desenvolvimento Tecnológico e Inovação do MCT. As ações do PNI são operacionalizadas pela Finep, CNPq, Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comercio Exteriror, BNDES, Conselho Nacional de Secretários Estaduais para Assuntos de CT&I (Consecti), entre outros.

Informações sobre o Pacti 2007-2010 estão disponíveis neste link.